Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
19 de junho de 2018, 12h55

Policial de SC é mais um identificado em vídeo machista na Rússia

Em nota, Polícia Militar afirma que "a corporação abrirá um processo administrativo disciplinar para apurar a conduta irregular do militar"

Mais um homem foi identificado no vídeo em que torcedores brasileiros assediam uma mulher russa. Trata-se do policial militar em Lages (SC), Eduardo Nunes.

No vídeo, a torcedora russa é incentivada a repetir a frase dita pelo grupo, que faz referência ao órgão genital feminino, como se fosse um hino de torcida. As imagens viralizaram na internet e vêm causando indignação e revolta.

Em nota, a PM de Santa Catarina afirma que a “corporação não corrobora com este tipo de atitude que é incompatível com a profissão e o decoro da classe, previsto no Regulamento Disciplinar e no Estatuto da PMSC, independentemente de estar em período de férias”. Será aberto um processo disciplinar para apurar a conduta de Nunes.

Outro homem que aparece no vídeo é o ex-secretário de Turismo, Cultura e Esportes de Ipojuca (PE), Diego Valença Jatobá, que teve pedido de bloqueio de conta por dever pensão alimentícia e foi condenado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) de Pernambuco por irregularidade em contratos da Secretaria de Turismo em 2012.

Leia a nota da PM de Santa Catarina

Sobre um vídeo gravado na Rússia, em que um grupo de homens brasileiros desrespeita uma cidadã estrangeira, a Polícia Militar de Santa Catarina esclarece que:

1. Um policial militar foi identificado como um dos integrantes que aparecem no vídeo;

2. A corporação não corrobora com este tipo de atitude que é incompatível com a profissão e o decoro da classe, previsto no Regulamento Disciplinar e no Estatuto da PMSC, independentemente de estar em período de férias, folga de serviço ou qualquer outra situação de afastamento, devendo portanto, responder por suas atitudes;

3. Assim que se der seu retorno, a corporação abrirá um processo administrativo disciplinar para apurar a conduta irregular do militar.

Com informações do Correio Lageano


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum