Fórumcast, o podcast da Fórum
08 de março de 2018, 16h08

Marca ‘Zorba’ condiciona “homenagem” às mulheres ao sexo

A marca de cuecas parece não ter entendido bem o recado do Dia Internacional da Mulher. Como "homenagem" às mulheres, divulgou um vídeo com homens seminus fazendo poses sensuais e pagou anúncios orientando os homens a "caprichar na cueca"

A marca de cuecas Zorba parece não ter entendido bem o significado do Dia Internacional da Mulher. Enquanto os discursos sobre respeito, luta, igualdade, contra a objetificação e o machismo dominam as redes sociais, a empresa vai pelo caminho contrário e reduz a mulher ao sexo.

Com informações do colaborador Eduardo Matysiak, Fórum apurou que a marca pagou um anúncio que foi veiculado em alguns jornais, como na Folha de São Paulo, em que orienta os homens a “capricharem” na cueca.

“Hoje o dia é delas. Capriche na cueca”, diz a propaganda. [imagem no destaque]

Na página do Facebook da companhia a mensagem que reduz o significado do Dia da Mulher vai ainda além. Foi publicado um vídeo que começa com os dizeres: “No mês das mulheres, a Zorba presta uma homenagem a 160 milhões de brasileiras”. O que se vê na sequência são imagens de homens seminus fazendo poses sensuais. Ao fundo, sons de aplausos e gritos de mulheres indo ao delírio.

Internautas homens e mulheres lotaram os comentários com críticas à peça publicitária.

Confira.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum