22 de setembro: Dia mundial sem carro

Hoje, 22 de setembro, é o Dia Mundial Sem Carro. Várias ações estão articuladas para a luta pelo transporte público de qualidade, menos poluição do ar, respeito aos pedestres, mais ciclovias e outras medidas que melhorem as condições de mobilidade urbana. O Dia Mundial Sem Carro é um momento propício à reflexão sobre as soluções […]

Hoje, 22 de setembro, é o Dia Mundial Sem Carro. Várias ações estão articuladas para a luta pelo transporte público de qualidade, menos poluição do ar, respeito aos pedestres, mais ciclovias e outras medidas que melhorem as condições de mobilidade urbana.

O Dia Mundial Sem Carro é um momento propício à reflexão sobre as soluções que objetivam a evolução da qualidade de vida nas cidades, em busca de outro modelo possível de transporte. 

Em São Paulo, por exemplo, as ações deste ano são organizadas por um coletivo, proposto pelo Movimento Nossa São Paulo, formado por dezenas de organizações e centenas de pessoas.

A primeira reunião geral resultou na formação de quatro grupos de trabalho – Debates, Comunicação, Atividades e Articulação – que planejaram as ações e a mobilização marcadas para hoje. 

Trajetória 

A data foi implantada na França, em 22 de setembro de 1997. A União Européia, em 2000, instituiu a Jornada Internacional – Na Cidade, sem meu Carro – reunindo 760 cidades. Em 2001, 1683 cidades participaram. Encorajados pela iniciativa do Dia Europeu sem Carros, a comissão organizadora lançou, em 2002, a Semana Européia da Mobilidade.

Em 2001, 11 cidades brasileiras aderiram ao Dia Mundial Sem Carro: Porto Alegre, Caxias do Sul e Pelotas (RS); Piracicaba (SP); Vitória (ES); Belém (PA); Cuiabá (MT), Goiânia (GO);Belo Horizonte (MG); Joinville (SC); São Luís (MA). Em São Paulo, a iniciativa é realizada desde 2005.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR