O que o brasileiro pensa?
12 de junho de 2020, 12h07

Advogado que denunciou Moro é assassinado a tiros em Curitiba; vídeo contém cenas fortes

Igor Martinho Kaluff ficou nacionalmente reconhecido depois que pediu a quebra dos sigilos fiscal, bancários e financeiro do ex-ministro da justiça. O assassinato, segundo a Polícia, foi um acerto de contas

Assassinato do advogado Igor Martinho Kaluff, que denunciou Sergio Moro (Reprodução)

O advogado Igor Martinho Kaluff, de 40 anos, foi assassinato a tiros nesta quinta-feira (12) em uma loja de conveniências em Curitiba, no Paraná.

Leia também: Um dos suspeitos de matar advogado que denunciou Moro é preso em Curitiba

Kaluff ficou nacionalmente reconhecido depois que pediu a quebra dos sigilos fiscal, bancários e financeiro do ex-ministro da justiça de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro.

O assassinato, segundo a Polícia, foi um acerto de contas. O delegado da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Tiago Nóbrega, esteve no local do crime e verificou as imagens com o proprietário do posto de combustível. Segundo Nóbrega pelo menos três pessoas tiveram participação na morte das vítimas.

De acordo com investigações, Kaluff devia cerca de R$ 70 mil para agiotas, e no posto de combustíveis haveria uma reunião para falarem sobre a dívida.

A princípio, a polícia acredita que o advogado tenha sido vítima de uma emboscada.

Além de advogado, Kaluff  também era proprietário de um restaurante de comida árabe, que fica a cerca de 3 quilômetros do local do assassinato.

O vídeo abaixo contém cenas fortes


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum