Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
24 de outubro de 2019, 23h10

Agora é oficial: Evo Morales é reeleito presidente da Bolívia no primeiro turno

Líder do Movimento ao Socialismo (MAS) obtém seu quarto mandato; oposição continua questionando e protestando contra o resultado

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Depois de cinco dias de apuração, finalmente Evo Morales foi oficialmente reeleito presidente da Bolívia, na noite desta quinta-feira (24). O representante do Movimento ao Socialismo (MAS) conseguiu a vitória no primeiro turno.

Evo recebeu 47,04% dos votos apurados e a oposição continua questionando o resultado. O quarto mandato do presidente tem início em janeiro de 2020 e termina em dezembro de 2025.

No rastro do crime ambiental nas praias do Nordeste: Ajude a Revista Fórum a mergulhar na realidade dessa grande tragédia

A apuração manual, iniciada no domingo (20), dia do pleito, foi marcada pelo equilíbrio em relação ao segundo colocado, o oposicionista Carlos Mesa, da Comunidade Cidadã.

Para conseguir a vitória no primeiro turno, Evo precisava, necessariamente, de 10 pontos percentuais de vantagem sobre o rival.

Irreversível

Após 99% das urnas apuradas, ele obteve 10,5 pontos de vantagem em relação a Mesa, o que equivale a 642 mil votos. Com isso, o candidato da oposição não pode mais alcançar Evo.

Na terceira colocação, muito longe dos dois, apareceu o pastor evangélico Chi Huyn Chung (Partido Democrata Cristão), com 8,8% dos votos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum