No rastro do óleo do Nordeste
21 de fevereiro de 2017, 10h31

Alexandre de Moraes omite empresa e ações no STF de sua esposa

O candidato de Temer ao STF omitiu duas coisas obrigatórias em relação à esposa: uma loja no Shopping Paulista e ações que ela tem em andamento no STF.

O candidato de Temer ao STF omitiu duas coisas obrigatórias em relação à esposa: uma loja no Shopping Paulista e ações que ela tem em andamento no STF.

Da Redação com Informações da Folha

A cada dia aparece uma novidade em relação ao ex-ministro da Justiça e candidato de Temer à vaga de Teori Zavascki no STF. Depois do plágio em sua tese de doutorado e da invenção de seu pós-doutorado, agora é a vez da omissão da empresa Clavi Moda Jovem e Acessórios, com endereço registrado no Shopping Paulista, de propriedade da sua mulher, a advogada Viviane Barci de Moraes.

Como é casado em comunhão parcial de bens (um jurista deveria saber disso, não?) ele seria obrigado por lei a declarar a loja na sua declaração de bens ao tomar posse e ser exonerado como secretário da gestão de Gilberto Kassab. Portanto, Moraes errou duas vezes. Quando entrou, em 2007 e quando saiu, em 2014.

Procurado pela Folha, Moraes não quis comentar o assunto, segundo sua assessoria de imprensa.

A firma tinha capital social de R$ 200 mil e existiu entre 2007 e 2014, de acordo com documentos da Junta Comercial de São Paulo.

Ao questionar Moraes, senadores da oposição devem perguntar se ele praticou crime de falsidade ideológica ao não declarar a empresa à prefeitura.

Conflito de interesses

Além disso, e como se não bastasse, Moraes omitiu que a sua mulher, que também é advogada, tem ações em andamento no STF (Supremo Tribunal Federal). Ele informou ao Senado que seus parentes não exercem ou exerceram trabalho vinculado à sua atividade profissional.

A declaração sobre a possível existência desses parentes é uma exigência regimental para que os senadores analisem se há conflito de interesses nas indicações presidenciais à corte.

Como candidato a ministro da corte, ele deveria informar se algum parente exerce ou exerceu trabalho vinculado à sua atividade profissional.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum