Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de janeiro de 2020, 20h00

Ameaçada por Guaidó, TeleSUR lança nota “em defesa da informação como direito humano”

Canal de notícias latino-americano com sede em Caracas é alvo da mais recente estratégia discursiva do deputado opositor; direção lançou comunicado pedindo apoio.

Reprodução

Após uma série de mensagens por Twitter do líder opositor Juan Guaidó, estimulando uma campanha de reformulação da empresa Nueva Televisión del Sur (TeleSUR), a direção da emissora emitiu um comunicado, publicado nesta terça-feira (14), denunciando que está sendo “ameaçada por aqueles que, em nome da liberdade de expressão, querem sequestrá-la”.

O documento inclui um chamado aos governos, instituições, associações e grêmios a defender a informação como um direito humano de todos os cidadãos. “Querem expropriar o canal e cercear uma plataforma comunicacional que tem servido para o encontro dos povos da América Latina. Pretendem retornar aos tempos do silêncio e da invisibilização dos que reclamam por seus direitos e lutam por um mundo melhor”, defende o texto.

O comunicado também afirma que a TeleSUR “é o canal que mais trabalha para defender um olhar mais popular, e que realça a identidade, a cultura e o sentir das comunidades latino-americanas e caribenhas, o que é visto como um perigo para os centros de poder. Por isso, é preciso alçar a voz em defesa da informação como direito humano fundamental, e desta plataforma comunicacional, trincheira da integração e da paz”.

No domingo passado, o deputado Guaidó, autoproclamado presidente da Venezuela – mas já não aceito sequer como presidente do Legislativo –, ameaçou “intervir na administração” da TeleSUR, ação que desencadeou uma onda de expressões em defesa do meio, incluindo intelectuais, jornalistas, usuários de redes sociais e até ex-presidentes, usando a tag #VivaTeleSUR.

“Os ataques alimentam ainda mais nosso ímpeto em cumprir com a missão que nós traçamos. A TeleSUR seguirá com seu trabalho”, concluiu o comunicado.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum