Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de fevereiro de 2019, 07h26

Amigo de Bolsonaro é reprovado em avaliação para assumir cargo na Petrobras

A indicação de Nagem foi questionada por sindicatos, que acusaram a Petrobras de descumprir o plano de cargos. Bolsonaro, na época, negou motivação política para a indicação e divulgou o currículo do amigo pelo Twitter

Reprodução/TV Record

‘Amigo particular’ de Jair Bolsonaro, Carlos Victor Guerra Nagem foi reprovado na avaliação para assumir a gerência-executiva de Inteligência e Segurança Corporativa da Petrobras, informa a Folha de S.Paulo.

Nagem é funcionário de carreira da Petrobras e se candidatou a duas vezes pelo Partido Social Cristão (PSC), que já abrigou Bolsonaro, sob o nome de Capitão Victor. Em 2002, se candidatou a deputado federal pelo Paraná e, em 2016, a vereador em Curitiba. Nessa última eleição, Bolsonaro gravou vídeo pedindo votos para o amigo.

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, foi quem indicou Nagem para o cargo na estatal. A indicação foi questionada por sindicatos, que acusaram a companhia de estar descumprindo o plano de cargos. Bolsonaro, na época, negou motivação política para a indicação e divulgou o currículo do amigo pelo Twitter.

Segundo a Folha, Carlos Victor Nagem foi submetido aos procedimentos de governança da companhia e, “apesar de sua sólida formação acadêmica e atuação na área, seu nome não foi aprovado porque ele não possui a experiência requerida em posição gerencial que é necessária à função”.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum