Fórumcast, o podcast da Fórum
30 de maio de 2016, 15h24

Aos 7 anos, “Michelzinho” já tem R$ 2 milhões em imóveis

Filho do presidente interino é o dono de dois conjuntos de escritórios políticos utilizados pela equipe do pai que são avaliados em mais de R$ 2 milhões; à Justiça Eleitoral, no entanto, Temer apresentou o valor de compra de cada imóvel, que é de apenas R$ 190 mil

Por Redação *

Com apenas sete anos de idade, Michel Miguel Elias Temer Lulia Filho, filho do presidente interino Michel Temer, já tem mais de R$ 2 milhões em imóveis. Está no nome do único herdeiro do casamento entre o peemedemista e Marcela Temer dois conjuntos comerciais, localizados no Itaim Bibi, em São Paulo, avaliados em R$ 1.024.802, de acordo com dados da prefeitura.

Com 196 m² cada, os conjuntos fazem parte do escritório político de Michel Temer na capital paulista e seu valor de mercado chega a ser até 40% maior do que o avaliado pela prefeitura. À Justiça Eleitoral, em 2014, no entanto, Temer declarou apenas o valor de compra dos imóveis, que é de R$ 190 mil cada.

Veja também:  Jean Wyllys diz que sequestro de ônibus no Rio parece golpe de marketing perfeito

Apesar da diferença exorbitante, a legislação não obriga que os valores sejam atualizados na declaração.

Em nota, a assessoria de imprensa do presidente interino informou que a transferência dos imóveis para o nome de Michelzinho foi feita como uma forma de “doação” e antecipação de herança.

*Com informações do Estadão

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum