segunda-feira, 21 set 2020
Publicidade

Após briga com família Bolsonaro, Joice Hasselmann perde 240 mil seguidores na internet

O conflito que envolve o PSL continua fazendo vítimas. Desde que brigou com a família Bolsonaro, a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) já perdeu 240 mil seguidores nas redes sociais, queda de 4,7%, de acordo com levantamento da consultoria Bites e divulgado pelo Poder360.

A projeção é de que o número alcance 400 mil até o final da próxima semana.

Somente nas primeiras 24 horas após ter atacado o que chamou de “milícia virtual bolsonarista” e dizer que Jair Bolsonaro tem “inteligência emocional” de -20, Joice perdeu 126.920 seguidores no YouTube, Facebook, Instagram e Twitter.

A hashtag #DeixeDeSeguirAPepa, que faz alusão a Joice, após uma discussão entre ela e a também deputada Carla Zambelli (PSL-SP), está nos assuntos mais comentados do Twitter.

“Joice, como observamos, é mais afetada porque existe uma campanha específica no Twitter, em grupos do Whatapps na direção de estimular que bolsonaristas leais deixem de seguir seus perfis”, diz nota da consultoria.

De acordo com a Bites, a situação de Joice só é comparável ao que ocorreu com a deputada Tábata Amaral (PDT-SP). Depois de se posicionar contra a orientação do seu partido na votação da reforma da Previdência, na qual ela foi a favor, perdeu 83.432 seguidores em suas redes sociais.

Outros

Além de Joice, Luciano Bivar (PSL-PE), Dayane Pimentel (PSL-BA), Delegado Waldir (PSL-GO), Julian Lemos (PSL-PB) e Felipe Francischini (PSL-PR), que se posicionaram contra a família Bolsonaro, também vêm perdendo seguidores.

Em contrapartida, ainda conforme a consultoria, os números dos deputados que escolheram ficar ao de Bolsonaro estão aumentando. Um grupo de nove parlamentares ganhou 51.528 seguidores.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.