Fórumcast, o podcast da Fórum
27 de outubro de 2015, 19h02

Apresentadora mexicana é assediada por colega em programa ao vivo

Após tocá-la e tentar agarrá-la, Enrique Tovar aperta os seios de Tania Reza, que abandona a transmissão: “Não posso trabalhar assim”; assista

Por Redação*

A apresentadora mexicana Tania Reza foi explicitamente assediada pelo colega Enrique Tovar durante o programa A Toda Máquina, transmitido ao vivo por uma afiliada da emissora Televisa em Ciudad Juárez, no estado de Chihuahua, extremo norte do México. Após tocá-la e tentar agarrá-la, Tovar aperta os seios de Tania. Depois desse ataque, ela se retirou do palco.

Antes de abandonar a transmissão, a apresentadora se queixa do abuso. “Não posso trabalhar assim”, diz. Em seguida, Tovar responde que “não foi nada” e, olhando para a câmera, afirma que sua colega estava “com os hormônios à flor da pele”.

Diante da repercussão negativa do caso, especialmente nas redes sociais, a Televisa demitiu os dois apresentadores sob a argumento de que teriam “encenado” a situação. A emissora ainda divulgou um vídeo no Youtube no qual a mulher nega o assédio. Já Tovar ri e reitera a declaração da colega: “A verdade é que somos amigos, e não houve qualquer assédio.”

Após a publicação do depoimento, no entanto, Tania postou outra versão em seu perfil no Facebook. “Lamentavelmente, existe nestas situações uma pressão por parte das empresas e uma obrigação de dizer (ou inclusive gravar) que sou a culpada, com outras pessoas lavando as mãos”, escreveu. “Que seja dita a verdade. Se me obrigarem a tirar isto do ar, ao menos, já pus em minhas redes sociais.”

GRACIAS A TODOS POR SUS COMENTARIOS Y MUESTRAS DE AFECTO. LAMENTABLEMENTE EN ESTAS SITUACIONES EXISTEN PRESIONES POR…

Posted by Tania Reza on Segunda, 26 de outubro de 2015

*Com informações da BBC Brasil


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum