Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
08 de fevereiro de 2012, 19h05

Ativistas denunciam perseguição às Católicas pelo Direito de Decidir

A organicação não-governamental Católicas pelo Direito de Decidir é alvo de perseguição e de tentativa de de criminalizar suas suas integrantes. A denúncia foi feita durante o FSM. "Uma de nossas companheiras foi alvo de uma denúncia, acusada de fazer apologia ao aborto e facilitação de crime, mas estamos aguardando a posição do Ministério Público Federal sobre nossa solitação em não apresentar esclarecimentos na delegacia", explicou a ativista Dulce Xavier.

Favorável à autonomia dos direitos da mulher e contra a criminalização, o grupo e referencia nos debates sobre o tema desde 1993, como uma rede latino-americana pela igualdade nas relações de gênero e pela cidadania das mulheres.

Dulce afirma que a denúncia foi feita anonimamente por alguém que participou de uma palestra que Rosângela Talib, na Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba. Por e-mail, o denunciante notificou a promotoria de Justiça do estado do Paraná. "A denúncia afirma que a organização informa às mulheres quais profissionais e serviços prestam atendimento seguro", detalha a ativista. O processo, segundo ela, faz parte de uma articulação que quer criminalizar a luta pelos direitos das mulheres.

"Também denunciamos a existência de um processo de perseguição em curso no Brasil, com o indiciamento de mais de mil mulheres no Mato Grosso do Sul, e com a aprovação na Câmara dos Deputados de uma CPI da inquisição (do aborto), em dezembro de 2008. Esta CPI quer utilizar o Congresso nacional como instrumento de criminalização das mulheres e das organizações que apoiam as lutas por autonomia das mulheres" vaticina Dulce.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags