Entrevista exclusiva com Lula
16 de novembro de 2019, 06h43

Augusto Nunes chama Gilmar Mendes de “superjuiz de picadeiro” e se alia a bolsonaristas contra o STF

Com ligação estreita com o bolsonarismo – principalmente com os filhos de Jair Bolsonaro -, o Movimento Brasil Conservador tem atos marcados com outros movimentos, como o Nas Ruas, da deputada Carla Zambelli, pedindo o impeachment do ministro com "efeito dominó" sobre a corte

Augusto Nunes e Bolsonaro (Reprodução)

Viúva da ditadura, Augusto Nunes foi às redes sociais nesta sexta-feira (15) incitar o movimento bolsonarista que prega o impeachment de Gilmar Mendes com “efeito dominó” no Supremo Tribunal Federal (STF). O jornalista da Veja chamou o ministro, que é o alvo principal dos aliados de Jair Bolsonaro nas redes sociais, como “superjuiz de picadeiro” e disse que o ato marcado para este domingo (17) “lembrarão Gilmar Mendes e seus comparsas que todo poder emana do povo”.

“Neste 17 de novembro, as ruas lembrarão a Gilmar Mendes e seus comparsas q “todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos da Constituição”. O superjuiz de picadeiro saberá q ninguém debocha impunemente de quem manda”, tuitou.

Efeito dominó
Com ligação estreita com o bolsonarismo – principalmente com os filhos de Jair Bolsonaro -, o Movimento Brasil Conservador definiu uma estratégia nesta semana para iniciar um pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, provocando um “efeito dominó” em toda a corte.

A ofensiva será concluída neste domingo (17), em atos marcados com outros movimentos de apoio a Jair Bolsonaro – como o Nas Ruas, criado pela deputada Carla Zambelli – para pedir o impeachment de Gilmar Mendes.

“Se o impeachment de apenas um único ministro já é complicado, imaginem tentar derrubá-los todos juntos de uma só vez. Temos que ser cirúrgicos, agir direcionados especificamente a cada um daquela corja, após derrubado o primeiro, ocorrerá o efeito dominó. #ImpeachmentGilmarMendes”, tuitou nesta segunda-feira Maurício Costa, coordenador nacional do movimento, que diz ter desembarcado em Brasília para fazer lobby pela derrubada do ministro.

Matéria atualizada em 16 de novembro, às 20h.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum