Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de janeiro de 2020, 15h45

Incompetente e confuso: Bolsonaro não sabe o que é tarifa e o que é imposto

"Já falei que não entendo nada de economia", repetiu mais uma vez

Foto: José Cruz/Agência Brasil

Durante visita oficial à Índia, Jair Bolsonaro confundiu três vezes tarifas de importação com impostos sobre empresas, afirmando que redução de impostos poderia quebrar a indústria brasileira. O presidente frequentemente faz questão de dizer que não entende nada de economia.

Quando perguntado por um jornalista do Valor sobre a possibilidade de reduzir impostos para as empresas no Brasil crescerem mais, conforme sinaliza  Paulo Guedes, e como fez o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, Bolsonaro disse: “O Guedes já me disse que, se fizer de uma hora para outra, ele quebra a indústria nacional”.

“E imposto não é só o governo federal. Temos os estaduais e os municipais.”

O repórter não desistiu.  “Presidente, a Índia está começando a recuperar a economia um pouco mais, e o (Modi) tem reduzido impostos sobre as empresas, o senhor acha que é o caso de reduzir impostos sobre empresas no Brasil? Porque a promessa era de reduzir pela metade…”

Jair Bolsonaro repetiu a resposta sobre o que tem conversado com Guedes e completou: “se reduzir de uma forma abrupta, você vai quebrar, vai desnacionalizar… Agora, a carga tributária do Brasil é um absurdo. Mas não culpe só a mim —os estados têm independência e autonomia para mexer no percentual dos impostos. É bastante complexo.”

O jornalista ainda tentou ajudar. “Mas o senhor não acha que, se reduzirmos o imposto sobre as empresas, elas vão é aumentar o investimento?” Bolsonaro concordou e disse que Trump havia feito isso, e a economia cresceu.

“Mas o senhor disse que, se reduzirmos os impostos, pode desnacionalizar…”, prosseguiu o repórter.

“Olha, a gente sempre busca industrialização, tendo preferência sobre importação, esse é o objetivo final, mas se for devagar, dá para diminuir…Você viu a briga dos EUA com a China?”, disse o presidente brasileiro.

“Ou seja, o senhor não está falando sobre os impostos sobre as empresas, mas sim sobre os impostos de importação..”, acudiu o repórter.

“É, os impostos são muito caros no Brasil…”

No fim da conversa com a imprensa, o ser perguntado por uma repórter do Correio Braziliense sobre o tipo de reforma tributária defende, Bolsonaro abriu o jogo.

“Eu já falei que não entendo nada de economia. Eu contratei um ‘posto Ipiranga’… E eu não vou contratar o Nelson Piquet para trabalhar comigo e botar do lado, enquanto eu dirijo o carro.”

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum