O que o brasileiro pensa?
05 de junho de 2020, 12h55

Bolsonaro exonera coordenadora da Saúde da Mulher por nota técnica sobre o aborto

A Secretaria de Atenção Primária à Saúde soltou nota dizendo que o texto, que tratava apenas de direitos já assegurados e não trazia nenhuma proposta nova, era uma “minuta”

Foto: Reprodução/Facebook

O Ministério da Saúde desautorizou uma nota técnica sobre aborto e métodos contraceptivos emitida pela equipe de saúde da mulher da pasta e exonerou os responsáveis pela sua elaboração nesta quinta-feira (4).

Bolsonaro deu um chilique por causa da nota em sua live semanal das quintas. O texto trazia nada além de um apanhado de direitos já garantidos pela Constituição sobre acesso a métodos de contracepção e de termos de aborto legal durante a pandemia de Covid-19, mas o presidente considerou as informações uma afronta a suas convicções antiaborto. A nota sequer defende a expansão de sua adoção, apenas trata dos casos já previstos em lei.

A Secretaria de Atenção Primária à Saúde soltou nota dizendo que o texto era uma “minuta” e que não foi submetido à instância, sob a qual fica subordinada a Coordenação de Saúde da Mulher, e que o tema não foi “discutido pela pasta”.

A nota informa ainda que medidas administrativas foram instauradas para apurar o vazamento da nota técnica, que “não deveria ter sido publicada” e não menciona as demissões.

O Diário Oficial da União desta sexta (5) traz a exoneração, assinada pelo ministro interino Eduardo Pazuello, de Flávia Fialho, do cargo de coordenadora de Saúde da Mulher, e Danilo Campos da Luz e Silva, do cargo de coordenador de Saúde do Homem.

No entanto, corre nos grupos relacionados a redes independentes de saúde da mulher que toda a equipe teria sido exonerada.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum