Fórum Educação
05 de fevereiro de 2020, 10h53

Bolsonaro se antecipa à investigação e declara inocência de Wajngarten: “Não é criminoso”

Um dia após abertura de inquérito pela Polícia Federal, o presidente insiste em defender o chefe da Secom. "O Wajngarten continua mais firme do que nunca", disse

Fabio Wajngarten, secretário de Comunicação, e Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro declarou na manhã desta quarta-feira (5) que o chefe da Secretaria de Comunicação Social do governo, Fabio Wajngarten, “não é criminoso” e “continua mais firme do que nunca” no cargo. Com isso, o presidente sustenta a total inocência de Wajngarten antes mesmo do resultado final das investigações da Polícia Federal, que abriu um inquérito contra ele nesta terça (4).

Wajngarten é investigado por supostas práticas de corrupção passiva, peculato e advocacia administrativa, que consiste em patrocínio de interesses privados na administração pública.

Questionado sobre o tema na saída do Palácio da Alvorada, Bolsonaro disse que “não foi a PF que abriu” o inquérito. “O MP pediu que ele fosse investigado. [É] completamente diferente do que você está falando, dá a entender que ele é um criminoso. Não é criminoso, eu não vi nada que atente contra ele”, disse.

“Está aí um mês batendo nele. O Wajngarten continua mais firme do que nunca”, afirmou o presidente a um jornalista. O inquérito da Polícia Federal veio como resposta a um pedido do Ministério Público Federal, feito na semana passada, para que investigasse práticas ilegais de Wajngarten.

Dono da FW Comunicação, o secretario de Comunicação da Presidência privilegiou seus clientes com verbas publicitárias do governo Bolsonaro desde que chegou, em abril, ao cargo. Ele privilegiou Record, Band e SBT com R$ 13 milhões dos R$ 36,7 milhões gastos na segunda etapa da propaganda – a primeira, antes dele assumir a secretaria, já havia consumido R$ 11,5 milhões.

 

 

 

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum