Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de dezembro de 2019, 14h39

Bolsonaro sobre demissão de Weintraub: “No meu governo não tem troca-troca”

No último encontro do ano com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada, Bolsonaro demonstrou irritação ao ser perguntado sobre a suposta demissão do ministro da Educação

Abraham Weintraub e Bolsonaro (Foto: Divulgação/MEC)

Em encontro com apoiadores no início da tarde desta sexta-feira (27) em frente ao Palácio da Alvorada, Jair Bolsonaro demonstrou irritação ao ser perguntado sobre a suposta demissão do ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Ao ser questionado por um apoiador se iria trocar o ministro da Educação, Bolsonaro indagou: “Você é repórter, cara?”. “Não”, respondeu o rapaz. “Então fica para outra área”, afirmou Bolsonaro, antes de emendar: “No meu governo não tem troca-troca”.

Bolsonaro aproveitou para alfinetar os jornalistas ao responder sobre as dificuldades que vem enfrentando no seu governo.

“É o olho de algumas pessoas que estão no poder. A insensatez de umas poucas pessoas. Até vocês mesmos da imprensa têm que entender – e sei que quem decide não é vocês muitas vezes – a gente está no mesmo barco. Não é me ajudar. Falar a verdade o tempo todo, a gente ajudaria a deslanchar o Brasil”.

Férias
Em férias pela segunda vez desde que assumiu a pasta, em maio deste ano, Abraham Weintraub pode não voltar em 2020. Atacado até mesmo pelos seguidores de Olavo de Carvalho, especula-se que Weintraub não voltará para o comando do Ministério após as férias de fim de ano. Para o lugar do polêmico ministro, Bolsonaro pode recorrer ao deputado federal Mendonça Filho (DEM-PE), que ocupou a função durante o governo do ex-presidente Michel Temer.

Segundo a colunista Sonia Racy, do Estadão, o nome de Mendonça está entre os nomes avaliados pelo presidente e ganha vantagem sobre os adversários por já ter comandado o MEC, ser do Nordeste e ter apoiado Bolsonaro no segundo turno das eleições de 2018. Por outro lado, setores do DEM e olavistas não veem com bons olhos essa aproximação.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum