Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
08 de fevereiro de 2012, 19h13

Brasil é exemplo na área de tecnologias sociais, avalia Unesco

O pioneirismo do Brasil na área de tecnologias sociais é exemplo para países da América Latina e de língua portuguesa situados na África, avalia o representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) Ary Mergulhão Filho. Essas tecnologias compreendem produtos, técnicas ou metodologias desenvolvidas a partir da interação com a comunidade e que representam efetivas soluções de transformação social.

Para Ary Mergulhão Filho, as experiências brasileiras tendem a reduzir a pobreza, criando emprego e renda, por meio de soluções simples. “A experiências bem sucedidas aqui têm extrema utilidade para outros países da América Latina.”

Desde a última quarta-feira (15), representantes de nove países reunidos em Brasília tiveram a oportunidades de conhecer as tecnologias sociais implantadas no Brasil. Durante a 2ª Conferência Internacional de Tecnologia Social, foram expostas 21 experiências em áreas como agroecologia, reciclagem, bioenergia e incubação de empreendimentos solidários. Captação de água de chuva para a produção de alimentos e aquecedor solar de baixo custo estão entre as soluções apresentadas.

Para o representante da Unesco, o evento, encerrado hoje (17), cumpriu o objetivo de difundir as práticas de tecnologias sociais. “O aproveitamento de soluções testadas dentro do Brasil não servem apenas para a cooperação nacional, mas também para a internacional.”

Ele ressalta que a tecnologia social é fundamental para melhorar a vida das populações menos assistidas. “São ações simples, de baixo custo, voltados para solucionar problemas pequenos e médios de populações carentes.”

(Com inforções da Agência Brasil)

Leia também

Do debate à prática
Oficina do Concurso Aprender e Ensinar Tecnologias Sociais no Fórum mostra como cada um dos cinco vencedores trabalhou suas propostas

Diversidade de propostas Por Anselmo Massad
Resultado do Concurso Revista Fórum e Fundação Banco do Brasil: Aprender e Ensinar Tecnologias Sociais mostra a criatividade de professores das cinco regiões do país

A crise não chegou a esses bancos Por Anselmo Massad
Experiências descentralizadas e comunitárias estão distantes do centro da turbulência econômica mundial e são formas de superar a pobreza. Hoje, no Brasil, chamam a atenção do Banco Central

A transformação começa assim Por Glauco Faria

A partir de técnicas simples, baratas e que podem ser reaplicadas em outras comunidades, grupos excluídos ou esquecidos adquirem instrumentos de geração de emprego e renda. A Fundação Banco do Brasil apóia projetos desse tipo e colaborou com a realização desta reportagem

 

Tecnologias sociais: os governos têm o seu papel Por Anselmo Massad
Ações do poder público para o fomento e reaplicação de tecnologias sociais ganham espaço, mas ao mesmo tempo trazem debate sobre necessidade de uma legislação que assegure a perenidade das conquistas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags