terça-feira, 22 set 2020
Publicidade

Após protestos, Câmara volta atrás e adia votação da anistia ao caixa 2

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, decidiu adiar para a próxima terça-feira (29).

Por Redação

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, decidiu adiar para a próxima terça-feira (29) a votação das medidas de combate à corrupção (PL 4850/16), que possui uma emenda que pode anistiar a prática do caixa 2 eleitoral.

Maia disse que, de hoje até a semana que vem, vai se reunir com líderes e presidentes de partidos para tratar sobre a proposta, aprovada na madrugada de hoje pela comissão especial.

Se você está gostando desta matéria, apoie a Fórum se tornando sócio. Pra fazer jornalismo de qualidade nós precisamos do seu apoio

“Não pode sem debate e não precisamos de afogadilho nem aprovar 100% do relatório, nem rejeitar 100% do relatório”, afirmou.

Em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (24), a bancada do PSOL criticou com veemência a emenda de anistia ao caixa 2.

“Incluir anistia ao caixa 2 numa proposta contra a corrupção é uma das manobras mais escandalosas e contra o interesse público”, afirmou o deputado Ivan Valente (PSOL-SP).

Desde que o relatório apresentado pelo deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) foi aprovado nesta madrugada, surgiram rumores de que um grupo de líderes partidários estaria elaborando um texto alternativo para ser apresentado ao plenário com previsão de anistia do caixa 2 cometido no passado.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.