Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de janeiro de 2020, 17h45

Cerca de um milhão de iraquianos marcham para exigir saída das tropas dos EUA

Muitos cartazes vistos durante os protestos falavam em “guerra para recuperar a soberania”. Um deles, bastante repercutido nos meios ocidentais, mandava um recado: “Às famílias dos soldados estadunidenses: insistam para que eles retornem, ou preparem os caixões deles”

Protesto massivo no Iraque contra a presença de tropas dos Estados Unidos no país (Reprodução)

Uma manifestação massiva aconteceu nesta sexta-feira (24), em Bagdá (Iraque), convocada por Muqtada al Sadr, um conhecido sacerdote xiita, para exigir a saída das tropas estadunidenses do país do Oriente Médio.

Segundo as agências de notícias presentes no Iraque, havia cerca de um milhão de pessoas participando dos protestos na capital do país, mais especificamente nos arredores da praça Al Hurriya, no centro de Bagdá.

Leia também
Ataque de míssil do Irã deixou 34 militares dos EUA com lesões cerebrais graves

Muitos cartazes vistos durante os protestos falavam em “guerra para recuperar a soberania”. Um deles, bastante repercutido nos meios ocidentais, mandava um recado: “Às famílias dos soldados estadunidenses: insistam para que eles retornem, ou preparem os caixões deles”.

A marcha acontece três semanas depois do ataque aéreo estadunidense, em uma área próxima ao aeroporto de Bagdá, no qual morreram o general Qassem Soleimani e o líder da milícia xiita iraquiana, Abu Mahdi al Muhandis, além de outros oficiais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum