Com casos em Havana sob controle, Cuba se prepara para retomar atividades

Último reduto da doença na ilha, a capital cubana vai flexibilizar o isolamento social a partir de sexta-feira (3)

Última cidade de Cuba a controlar o contágio por coronavírus, Havana vai iniciar a retomada gradual de suas atividades a partir desta sexta-feira (3), assim como flexibilizar as medidas de isolamento social.

De acordo com o primeiro-ministro Manuel Marrero, em declaração feita na quarta-feira (1º), o governo autorizou “o início em Havana da primeira etapa, em sua primeira fase, da recuperação a partir da próxima sexta-feira, 3 de julho”. 

Com isso, a cidade está liberada para reativar gradualmente o transporte público e reabrir atividades comerciais e serviços, além do permitir o deslocamento de cidadãos que respeitem o distanciamento social. No entanto, somente turismo local é permitido por enquanto.

De acordo com o Correio Braziliense, grande parte do território cubano não apresenta casos de Covid-19 há semanas. A ilha adotou medidas rígidas contra a doença, com fronteiras fechadas desde 24 de março e pacientes isolados para evitar o avanço do contágio.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR