#Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de junho de 2018, 11h56

Com péssimo resultado nas pesquisas, Alckmin “explode” e ameaça desistir da candidatura

Ex-governador de São Paulo perdeu a paciência com a falta de apoio dentro do PSDB

O pré-candidato do PSDB à presidência da República, Geraldo Alckmin, colocou a candidatura à disposição das lideranças do tucanato em reunião na última segunda-feira em São Paulo. O ex-governador está insatisfeito com a falta de apoio dentro do PSDB. As informações foram trazidas por reportagem do jornal O Globo desta quarta-feira.

Segundo o texto da matéria, “Alckmin está nervoso por causa das delações que podem impactar sua campanha e pela divulgação de pesquisas em que aparece atrás de Marina Silva e Ciro Gomes”. Esse nervosismo se mostrou nítido em um diálogo do governador com os correligionários também descrito pela reportagem.

“Eu estou fazendo tudo que eu posso, estou andando, viajando sem parar, resolvendo problema de Minas Gerais, Maranhão. O que vocês querem que eu faça mais? O PSDB me escolheu como candidato, preciso de ajuda nos estados”, disse o ex-governador, saindo de sua postura que lhe garantiu o apelido de “Picolé de chuchu”.

O ex-governador também está insatisfeito com a (falta de) costura de alianças nos estados. A sombra de João Dória reapareceu na reunião realizada em um aparthotel. Alckmin teve de engolir a fala de um dos presentes que, ao retrucar, disse que a campanha do ex-prefeito está “azeitada” e “muito bem estruturada”, enquanto o mesmo não é visto na campanha presidencial.

As reclamações do governador surtiram efeito. Nesta terça-feira, a bancada do PSDB se apressou para gravar vídeos de apoio para o pré-candidato.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum