Fórumcast, o podcast da Fórum
15 de dezembro de 2016, 15h35

Comissão de Ética aplica repreensão pública a Geddel

A medida, no entanto, não o impede de assumir novos cargos.

Por Redação

A comissão de ética da Presidência da República decidiu nesta quinta-feira (15) que o ex-ministro Geddel Vieira Lima utilizou a posição de Secretário do Governo Temer para promover interesses pessoais, violando o código da administração pública.

A aprovação foi votada por unanimidade e entendeu-se que houve conflito de interesse na postura de Geddel e determinou a aplicação de sanção de censura ética.

A pena que será aplicada é uma repreensão pública pela conduta de uma autoridade. A medida não o impede de assumir novos cargos.

Geddel saiu do governo depois de que o ex-ministro da Cultura, Marcelo Caleiro, disse em uma entrevista para o jornal Folha de S.Paulo que Geddel o estava pressionando para autorizar uma obra em Salvador (BA) no qual ele era comprador de um dos apartamentos.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum