Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
21 de setembro de 2016, 08h20

Defensoria-SP: agência de publicidade fará campanha sobre direitos de travestis

A agência Leo Burnett Tailor Made terá de desenvolver uma campanha de promoção de direitos após ter criado uma propaganda que comparava travestis e mulheres transexuais a peças de automóveis “falsas”, afirmando que "mais cedo ou mais tarde, você percebe a diferença".

A agência Leo Burnett Tailor Made terá de desenvolver uma campanha de promoção de direitos após ter criado uma propaganda que comparava travestis e mulheres transexuais a peças de automóveis “falsas”, afirmando que “mais cedo ou mais tarde, você percebe a diferença”

Por Bruno Bocchini, da Agência Brasil

A Defensoria Pública de São Paulo e a agência de publicidade Leo Burnett Tailor Made firmaram um acordo em que a agência publicitária terá de desenvolver uma campanha de promoção dos direitos de travestis e transexuais. Segundo a Defensoria, a agência criou, em 2013, uma campanha que comparava travestis e mulheres transexuais a peças de automóveis “falsas”, afirmando que “mais cedo ou mais tarde, você percebe a diferença”.

“O acordo permite que o desfecho do episódio seja a produção de uma campanha positiva e cívica sobre os direitos da população trans, contando com a produção de uma grande agência de publicidade”, disse a defensora pública Vanessa Alves Vieira.

De acordo com a defensoria pública, a agência, após a repercussão pública da campanha, desculpou-se publicamente pelo conteúdo. Segundo a Leo Burnett Tailor Made, a campanha inicial, que não chegou a ser veiculada, “foi enviada equivocadamente ao Festival do CCSP [Clube de Criação], e não está alinhada de maneira alguma com o modo de pensar e agir da agência: uma empresa que sempre respeitou e apoiou a diversidade”.

A elaboração da nova peça publicitária deverá ser feita em parceria com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra) e terá de ficar pronta em até seis meses.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum