Fórumcast, o podcast da Fórum
19 de agosto de 2015, 16h55

#DescriminalizaSTF lidera os Trending Topics no Brasil

A votação do Supremo que está em andamento e que vai definir se posse de drogas para consumo pessoal continuará sendo considerada crime é o assunto mais comentado no Twitter do Brasil e um dos mais comentados no Twitter mundial.

A votação do Supremo que está em andamento e que vai definir se posse de drogas para consumo pessoal continuará sendo considerada crime é o assunto mais comentado no Twitter do Brasil e um dos mais comentados no Twitter mundial

Por Redação

A sessão desta quarta-feira (19) do Supremo Tribunal Federal (STF) ganhou as redes sociais. Está em andamento, neste momento, a votação de um recurso extraordinário que pode vir a descriminalizar o porte de drogas para consumo pessoal no país. Atualmente, o consumo de drogas não é considerado crime, mas o seu porte é. Caso o réu – condenado a três anos por portar 3 gramas de maconha – ganhe a causa, a lei que tipifica o porte como crime será considerada inconstitucional, uma vez que, de acordo com a defesa, ela fere o princípio de liberdade individual.

Uma intensa campanha vem fazendo pressão para que os juízes decidam pela descriminalização do porte de drogas para consumo pessoal. No Twitter, a hashtag #DescriminalizaSTF está em primeiro lugar nos Trending Topics do Brasil e já é um dos assuntos mais comentados mundialmente na rede social.

stf

Na sessão, juízes, advogados, ONG’s e entidades apresentam argumentos contra e a favor da descriminalização. De acordo com o ministro Luís Roberto Barroso, além de decidir se é constitucional criminalizar o consumo de maconha, por exemplo, o julgamento poderá avançar na discussão sobre critérios objetivos para distinguir o que caracteriza tráfico e consumo.

Foto: Smoke Buddies


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum