Fórumcast #20
21 de julho de 2019, 20h11

É Bi! Damares erra duas vezes nome de jornalista que “conhece pessoalmente” e vira piada

"Ministra Damares Alves, ao espalhar as completas insanidades do seu funcionário de gabinete por tabela, por gentileza acerte o nome dele", publicou Leandro Demori, editor do Intercept, sobre troca de nomes

Damares Alves no Senado (Geraldo Magela/Agência Senado)

Depois de chamar de “Jornalista Otávio” o colunista Oswaldo Eustáquio, a ministra Damares Alves se corrigiu errando o sobrenome do comunicador que publicou matéria com informações falsas contra o The Intercept. Amanda Audi e Leandro Demori, do Intercept, não perdoaram e ironizaram Damares.

“Ei gente, na postagem anterior digitei o nome do jornalista errado, é Oswaldo Eutasquio e não Otávio. Desculpas”, publicou a ministra.

“Errou de novo no Eutasquio”, disse Amanda Audi poucos minutos após a errata de Damares. Leandro Demori, editor-executivo do veículo republicou o comentário de Audi e logo ironizou. “Ministra Damares Alves, ao espalhar as completas insanidades do seu funcionário de gabinete por tabela, por gentileza acerte o nome dele para facilitar entrar nos TT. Obrigado”, publicou.

Outros usuários da rede social destacaram a razão da proximidade de Damares com Oswaldo Eustáquio: ele é casado com Sandra Terena, Secretaria de Políticas de Promoção de Igualdade Racial. A secretaria é ligada ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, chefiado por Damares.

Veja também:  Glenn diz que Dallagnol se "autovitimiza" e ataca jornalismo para justificar "má conduta"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum