Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de julho de 2019, 15h32

Em live, Bolsonaro defende fim dos cursos nas autoescolas

Presidente diz que aprendeu a dirigir na fazenda, com 10 anos de idade. 'Nem deveria ter exame de nada. Você faz uma parte escrita e vai para a prática'

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Em sua já tradicional live no Facebook, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) defendeu, nessa quinta-feira (24), o fim das aulas práticas de direção nas autoescolas. Para o chefe do Poder Executivo brasileiro, o processo de assistir aulas em autoescolas deveria ser desprezado.

Na parte final de sua entrada ao vivo na rede social, que demorou pouco mais de 33 minutos, Bolsonaro disse: “eu, com 10 anos de idade, aprendi a dirigir trator na fazenda em Eldorado Paulista. E acho que nem devia ter exame de nada”, disse. “Parte escrita apenas e ir para prática logo. Não tem que cursar autoescola, ter aula de um monte de coisa que já sabe o que vai acontecer. Então, deveria ter uma prova prática e uma prova escrita ali. Seria o suficiente para tirar a carteira de habilitação. Mas vamos deixar isso para um segundo momento”.

A fala do presidente entrou no contexto de várias medidas que ele tem a intenção de fazer para baratear o custo para tirar a CNH. Uma delas foi o fim dos simuladores na autoescolas. “Eu espero que a Câmara não bote a obrigação dos simuladores de novo. Porque tem muito sentido espúrio nisso aí”, afirmou.

Outras ações para beneficiar os motoristas, Bolsonaro apresentou proposta para que os pontos no prontuário da CNH passem de 20 para 40, além de acabar com os radares móveis e que não exista mais exames toxicológicos. Segundo o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, que também estava na live, os simuladores das autoescolas elevam o preço do documento em 15%.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum