Em plena pandemia, Deltan Dallagnol sai para surfar com amigos

Ex-coordenador da Lava Jato publicou foto com colegas sem máscara na rua e foi criticado por internautas

Ex-coordenador da Força Tarefa da Lava Jato, o procurador Deltan Dallagnol resolveu surfar. Mas, ignorando as recomendações sanitárias em relação à pandemia da Covid-19, ele se reuniu com quatro amigos para praticar o esporte. E registrou o momento em uma publicação em seu Instagram neste sábado (16).

Na foto, Dallagnol aparece com os quatro amigos, todos sem máscara, na rua, em frente a um carro. A publicação diz: “Time to surf. Old School. Old is Cool”, ou “Tempo de surfar, velha escola, velho é bom”, em tradução livre, dando a entender que são velhos amigos. E marcou os quatro na publicação.

Nos comentários, os internautas não deixaram passar batido o fato de Dallagnol ter se reunido com pessoas que não moram com ele, como recomendam as autoridades sanitárias. E, ainda por cima, todos sem máscara.

“Tem que ficar em casa, hein”, disse um dos seguidores do procurador nos comentários. “Te admiro muito. Espero que seja foto antiga, senão não seria um bom exemplo em plena pandemia e dor das pessoas em Manaus”, escreveu outra usuária. “E as máscaras… Covid não surfa?”, questionou outro.

Veja a publicação.

Avatar de Fabíola Salani

Fabíola Salani

Graduada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou por mais de 20 anos na Folha de S. Paulo e no Metro Jornal, cobrindo cidades, economia, mobilidade, meio ambiente e política.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR