Erika Hilton é eleita presidenta da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de São Paulo

Vereadora foi escolhida por unanimidade e se torna a primeira mulher trans a presidir uma comissão do legislativo paulistano

A vereadora Erika Hilton (PSOL) foi eleita, na manhã desta terça-feira (23), presidenta da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de cidade de São Paulo. Com isso, a parlamentar se torna a primeira mulher transexual a presidir uma comissão do legislativo paulistano.

De acordo com relato feito por Hilton em suas redes, ela foi eleita por unanimidade, ou seja, dos 5 vereadores membros da comissão, a vereadora recebeu o voto de todos.

“Sou a primeira parlamentar do PSOL a presidir uma Comissão em São Paulo, além de provavelmente ser uma das primeiras mulheres trans a conseguir esse feito em todo Brasil! Obrigada a todos que participaram, assinaram o abaixo assinado e torceram! É uma honra assumir a Comissão após o trabalho do querido Eduardo Suplicy (PT-SP)”, declarou Erika Hilton.

Avatar de Marcelo Hailer

Marcelo Hailer

Jornalista (USJ), mestre em Comunicação e Semiótica (PUC-SP) e doutor em Ciências Socais (PUC-SP). Professor convidado do Cogeae/PUC e pesquisador do Núcleo Inanna de Pesquisas sobre Sexualidades, Feminismos, Gêneros e Diferenças (NIP-PUC-SP). É autor do livro “A construção da heternormatividade em personagens gays na televenovela” (Novas Edições Acadêmicas) e um dos autores de “O rosa, o azul e as mil cores do arco-íris: Gêneros, corpos e sexualidades na formação docente” (AnnaBlume).