Fórumcast #20
05 de agosto de 2016, 13h30

“Estamos tratando com animais”, diz Trump sobre imigrantes e refugiados

Presidenciável republicano continua atacando países de maioria muçulmana.

Presidenciável republicano chamou países cuja maioria da população é convertida ao Islã de “mais perigosos do mundo”

Por Redação

O candidato republicano à presidência dos EUA, Donald Trump, continua destilando ódio em seus comícios. Depois de expulsar uma mãe com seu bebê chorando e de ironizar a morte de um soldado americano muçulmano, ele comparou os imigrantes e refugiados com animais.

Em seu discurso na cidade de Portland, no Maine, o empresário chamou os países cuja maioria da população é convertida ao Islã de “mais perigosos do mundo”.

Trump fez uso da alegoria do “Cavalo de Troia”, dizendo que receber refugiados é um grande perigo para os americanos. “Não sabemos nada sobre eles. Isso poderia ser o maior Cavalo de Troia de todos os tempos”, disse.

Em certo momento, o magnata tentou associar os imigrantes ao cometimento de crimes no país, citando exemplos de casos recentes, como o de um estudante marroquino detido nos Estados Unidos por tentar realizar um atentado.

Veja também:  Governo israelense veta entrada de democratas e Trump comemora: "São o rosto do Partido Democrata e eles odeiam Israel"

“Estamos tratando com animais”, declarou. Ele ainda defendeu condenações para cidadãos da Síria, Afeganistão, Filipinas, Paquistão, Iraque, Somália, entre outros países.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum