Entrevista exclusiva com Lula
18 de maio de 2017, 17h16

Fachin retira sigilo da delação de Joesley e gravações que envolvem Temer e Aécio devem ser divulgadas

O ministro do STF, relator da Lava Jato, já autorizou a abertura de inquérito para investigar Temer. Peemedebista, por sua vez, diz que não renuncia

Por Redação

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, relator da Lava Jato, retirou na tarde desta quinta-feira (18) o sigilo da delação de Joesley Batista, um dos donos da JBS. O empresário entregou ao STF gravações que fez do presidente Michel Temer dando aval para a compra do silêncio de Eduardo Cunha, que está preso.

Com isso, o conteúdo das gravações, que envolve também o senador Aécio Neves (PSDB-MG) – que, de acordo com a delação, pediu milhões em propina – deve ser divulgado a qualquer momento pelo STF.

Mais cedo, o relator da Lava Jato já havia autorizado a abertura de inquérito contra Temer. O peemedebista, por sua vez, afirmou em pronunciamento nesta tarde que não renunciará e negou todas as denúncias.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum