Fórumcast, o podcast da Fórum
08 de junho de 2015, 15h21

Funcionários fazem paródia de comercial da Friboi para denunciar exploração; assista

Empregados da companhia criaram um vídeo semelhante ao comercial estrelado por Tony Ramos; empresa precisou ceder às reivindicações dos sindicalistas após a ideia viralizar nas redes.

Empregados da companhia criaram um vídeo semelhante ao comercial estrelado por Tony Ramos; empresa precisou ceder às reivindicações dos sindicalistas após a ideia viralizar nas redes

Por Redação

A empresa JBS, responsável pela Friboi e a Seara, se viu em uma saia-justa depois que os funcionários criaram uma campanha virtual para reivindicar seus direitos. Líderes sindicais utilizaram uma paródia da premiada propaganda “Carne tem nome – Friboi”, estrelada pelo ator Tony Ramos, para chamar a atenção para a causa.

A estratégia deu certo. Depois que o vídeo viralizou, principalmente por meio do aplicativo WhatsApp, a gigante se reuniu com entidades que representam os trabalhadores e decidiu atender ao menos uma de suas principais reivindicações por enquanto, a de reduzir o valor do plano de saúde de R$ 111 para R$ 45 por mês.

A mudança gerou o custo de cerca de R$ 3,6 milhões mensais, ou seja, R$ 43,5 milhões ao ano. É menos do que a empresa doou nas eleições do ano passado. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, a JBS injetou R$ 366,8 milhões em campanhas políticas de dezenas de candidatos, conforme sugere a denúncia feita pelo vídeo. Assista a seguir.

 

 

 

 

 

 

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum