O que o brasileiro pensa?
23 de janeiro de 2020, 21h28

General Heleno diz que Bolsonaro se preparou por 28 anos para “derrotar sistema”

O ministro comentou que o presidente ainda não definiu se irá realmente dividir o ministério de Sérgio Moro

General Heleno - Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, general Augusto Heleno, fez uma série de publicações em suas redes sociais nesta quinta-feira (23) exaltando o governo do presidente Jair Bolsonaro após a polêmica envolvendo a possível divisão do ministério da Justiça, comandado por Sérgio Moro.

“Foi esse Capitão que com risco da própria vida, evitou a volta do PT ao Governo com Haddad. Esses críticos de plantão nunca fizeram 1% do que foi feito por Bolsonaro. Durante 28 anos, na Câmara, ele conheceu o Sistema por dentro e se preparou para derrotá-lo. ISSO TUDO SOZINHO”, publicou o ministro.

Bolsonaro é frequentemente criticado por ter passado os 28 anos na Câmara sem ter conseguido implementar um projeto de lei sequer. O ex-capitão também evitou participar de comissões durante o período que foi deputado federal.

A declaração foi dada em meio a uma sequência de tuítes em favor do presidente contra Moro. “A proposta de recriar o Ministério da Segurança Pública não é do Presidente Jair Bolsonaro, e sim da maioria dos Secretários de Segurança Estaduais, que estiveram em Brasília; nesse 22 de janeiro. Em nenhum momento, o Presidente disse apoiar tal iniciativa. Em nenhum momento, o Presidente disse apoiar tal iniciativa”, afirmou.

“O que alguns não entendem é que o Presidente é o CAPITĀO DO TIME, ele escalou seus 22 ministros. As decisões são tomadas, ouvindo os ministros, mas cabe a ele, como Comandante, dar a palavra final, mesmo que isso contrarie alguns dos seus assessores ou eleitores”, disse ainda.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum