Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de janeiro de 2020, 10h16

Goebbels: Bolsonaro celebra 75 anos de libertação de Auschwitz

Pronunciamento vem poucos dias depois do ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim, ser demitido por parafrasear o ministro nazista de Hitler

Jair Bolsonaro e o ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim (Foto: Divulgação)

O presidente Jair Bolsonaro foi às redes sociais nesta segunda-feira (27) para comentar sobre o Dia Internacional de Memória do Holocausto, que neste ano marca os 75 anos da libertação do campo de concentração de Auschwitz. Em publicação no Twitter, Bolsonaro diz “honrar” a memória das vítimas do holocausto.

Pronunciamento do presidente vem poucos dias depois de seu ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim, ser demitido após publicar um vídeo parafraseando Joseph Goebbels, ministro nazista de Adolf Hitler. Além do próprio texto, a estética, tom de voz, aparência do ex-secretário e trilha sonora do vídeo também apontavam semelhanças com a propaganda nazista. A atriz Regina Duarte deve assumir a pasta como substituta de Alvim.

“Brasil constrói amizade sem precedentes com Israel e com o povo judeu. – Trabalhamos para combater o anti-semitismo que, muitas vezes, se esconde por trás do anti-sionismo”, escreveu o presidente nas redes sociais.

Confira:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum