O que o brasileiro pensa?
08 de maio de 2020, 21h15

Governo entrega vídeo de reunião ministerial para STF e Celso de Mello coloca sigilo

Segundo Sergio Moro, material comprova interferência de Bolsonaro na Polícia Federal; relator disse que sigilo é temporário

Celso de Mello e Jair Bolsonaro (Foto: Montagem)

A Advocacia-Geral da União (AGU) entregou na noite desta sexta-feira (8) ao Supremo Tribunal Federal (STF) o vídeo da reunião ministerial do presidente Jair Bolsonaro com o ex-ministro da Justiça Sérgio Moro e outros auxiliares.

Relator do caso, o ministro Celso de Mello, decidiu colocar o material sob sigilo “pontual e temporário”. O decano do STF disse ainda que o sigilo será por ele “levantado, em momento oportuno”. A AGU enviou um HD externo com a gravação.

Em depoimento à Polícia Federal, o ex-ministro Sérgio Moro declarou que, na reunião, o presidente Jair Bolsonaro ameaçou demiti-lo caso ele se recusasse a trocar o delegado-geral da PF. Segundo Moro, o material comprovaria as acusações de interferência que fez contra Bolsonaro ao pedir demissão e que são objeto do inquérito no STF.

O governo tentou evitar a entrega da gravação, alegando que foram tratados “assuntos potencialmente sensíveis e reservados de Estado”. Mais cedo, reportagem revelou que, além de expressões indelicadas ditas por Bolsonaro, xingamentos do ministro da Educação, Abraham Weintraub, aos ministros do STF proferidos na reunião preocupariam o Planalto.

“Determino que incida, em caráter temporário, a nota de sigilo sobre o HD externo encaminhado a esta Corte, no dia de hoje, pelo Senhor Advogado-Geral da União, mediante petição protocolada sob o nº 29.860/2020”, determinou o ministro.

“Esse sigilo, que tem caráter pontual e temporário – autorizado pela cláusula inscrita no art. 5º, inciso LX, da Constituição da República,
cuja possibilidade de aplicação expressamente ressalvei na decisão proferida no dia 05/05/2020 –, será por mim levantado, em momento
oportuno”, observou Celso de Mello.

Com informações do jornal O Estado de S.Paulo


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum