O que o brasileiro pensa?
29 de abril de 2020, 07h16

João Gabbardo, responsável por números do coronavírus, é exonerado; general assume

No lugar de Gabbardo foi nomeado o general Eduardo Pazuello, que já havia sido anunciado na semana passada como número 2 e responsável pela tutela do atual ministro, Nelson Teich

Joao Gabbardo e Henrique Mandetta | Foto: Erasmo Salomão/MS

O Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (28) traz a publicação da exoneração do médico João Gabbardo, secretário-executivo do Ministério da Saúde. Considerado o número 2 da pasta, Gabbardo era responsável pela compilação e divulgação dos dados relativos ao Coronavírus ao lado do secretário de Vigilância, Wanderson de Oliveira.

No lugar de Gabbardo foi nomeado o general Eduardo Pazuello, que já havia sido anunciado na semana passada como número 2 e responsável pela tutela do atual ministro, Nelson Teich.

Braço-direito de Luiz Henrique Mandetta, Gabbardo já havia anunciado que deixaria o cargo por “compromisso” com o ex-ministro. “O dia em que ele sair, eu saio com ele”.

Pazuello havia dito inicialmente que integraria uma equipe de transição, ajudando Teich a nomear subordinados até “tudo se acalmar”.

Paraquedista como Bolsonaro, o general foi colocado no posto por ser “excepcional em áreas logísticas”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum