Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
08 de fevereiro de 2012, 19h13

Livro “Vivafavela” reúne imagens que narram o cotididano dos moradores

Por trás de cada imagem do Viva Favela existe uma narrativa, um olhar e uma intenção: apresentar uma visão mais humanizada das favelas e periferias do Rio de Janeiro. Ao longo de oito anos, os correspondentes de fotografia do site Viva Favela ajudaram a romper estereótipos e a compor a história visual de várias comunidades, que hoje fazem parte do livro fotográfico "vivafavela". O livro surgiu da parceria com a Editora Olhares e traz 50 imagens do acervo do portal, além de comemorar os 15 anos da ong Viva Rio.

Tony Barros, fotógrafo correspondente da Cidade de Deus, destaca o pioneirismo do portal. “A fotografia digital entrou nas comunidades através do Viva Favela e vários fotógrafos contribuíram para a realização desse trabalho, por isso o livro é não apenas a realização de um sonho, como um passo muito importante para mostrar esse trabalho”.
Antes de entrar para o Viva Favela, Tony fazia fotos de casamento, 15 anos e retratos e na próxima terça-feira vai ver seu trabalho publicado no livro. “No Viva Favela, eu aprendi o que é ser um fotógrafo jornalista, coisa que eu nunca tinha imaginado ser. Aprendi que a foto tinha que se enquadrar na matéria e a foi a partir desse momento que comecei a entender a composição do meu trabalho”.

Rodrigues Moura, morador do Complexo do Alemão, trabalha desde o surgimento do Viva Favela e sente que a publicação do livro é um marco no trabalho dos fotógrafos do site. “Eu tenho a sensação de dever cumprido como fotógrafo de favela. Nosso trabalho ganhou uma repercussão enorme, tanto no Brasil como no exterior”.

Confira o vídeo com imagens da exposição "Moro na Favela"

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags