Fórumcast, o podcast da Fórum
07 de janeiro de 2016, 17h44

Marina Silva defende cassação do mandato de Dilma

Candidata à presidência em 2014 se diz contra o impeachment - o que afastaria apenas a presidenta -, mas a favor de uma cassação via TSE, o que derrubaria toda a chapa, incluindo Michel Temer, e poderia gerar novas eleições

Candidata à presidência em 2014 se diz contra o impeachment – o que afastaria apenas a presidenta -, mas a favor de uma cassação via TSE, o que derrubaria toda a chapa, incluindo Michel Temer, e poderia gerar novas eleições

Por Redação

A ex-senadora Marina Silva (Rede) afirmou nesta quinta-feira (7) que é a favor do afastamento da presidenta Dilma Rousseff, mas não nos moldes do impeachment, como muitos defendem. Em entrevista à Rádio Gaúcha, a ex-concorrente da presidenta nas eleições de 2014 demonstrou apoio a uma cassação via Tribunal Superior Eleitoral (TSE) – o que derrubaria não só Dilma mas também seu vice, Michel Temer (PMDB). De acordo com a interpretação de diversos especialistas do meio jurídico, a decisão acarretaria na realização de novas eleições.

“No meu entendimento, o melhor caminho para o Brasil é o processo que está no TSE, porque teria a cassação da chapa com a comprovação de que o dinheiro da corrupção foi usado para a campanha do vice e da presidente”, disse. Apesar de não defender a proposta, Marina não considera como um “golpe” o processo de impeachment aberto na Câmara dos Deputados. “Impeachment não é golpe. Está previsto na Constituição”, afirmou.

Apesar de sinalizar o caminho que defende, Marina disse que ainda não sabe se será candidata novamente, e relembrou ataques sofridos na disputa presidencial. “Diziam que, se eu ganhasse, o governo não teria maioria no Congresso e hoje a presidente não tem maioria”, pontuou.

Foto: Divulgação/Coligação Muda Brasil


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum