Marta dá indireta em Bolsonaro: “Uns serão lembrados como os melhores da história, já outros…”

Pela manhã, presidente havia dito que diferença salarial entre Neymar e a jogadora se devia ao fato de que futebol feminino não está consolidado no país; internautas celebraram a resposta

Quem entrou no Instagram de Marta, jogadora da Seleção Brasileira, nesta segunda-feira (18), viu uma publicação nos stories em que havia uma foto dela em treino com a legenda: “Uns serão lembrados como os melhores da história, já outros…”.

Para bom entendedor, meia palavra bastou. Imediatamente os internautas interpretaram a publicação como uma resposta a uma fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Mais cedo, também nesta segunda, o titular do Planalto havia criticado uma questão do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que falava da diferença salarial entre homens e mulheres e usava os ganhos de Marta e Neymar como exemplo. “O banco de questões do Enem ainda não é do meu governo, é dos governos anteriores. Tem questões ali ridículas. Comparando mulher e homem jogando futebol e porque a Marta ganha menos do que o Neymar. Não tem que ter comparação, o futebol feminino não é uma realidade no Brasil”, disse Bolsonaro.

Marta foi eleita seis vezes melhor jogadora do mundo pela Fifa, prêmio que Neymar jamais conquistou. A diferença salarial entre os dois já foi questionada muitas vezes sob esse prisma. A própria jogadora faz parte de uma iniciativa da ONU Mulher para apoiar a igualdade entre os gêneros e o empoderamento feminino. A craque é apontada como a melhor jogadora de futebol de todos os tempos.

Veja a publicação.

Foto Reprodução Instagram

Os internautas celebraram a invertida que a craque do futebol deu no titular do Planalto. O nome de Marta foi um dos termos mais comentados no Twitter nesta segunda-feira.

Avatar de Fabíola Salani

Fabíola Salani

Graduada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou por mais de 20 anos na Folha de S. Paulo e no Metro Jornal, cobrindo cidades, economia, mobilidade, meio ambiente e política.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR