Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
30 de janeiro de 2020, 14h05

Mike Pompeo ataca Partido Comunista da China: “É a principal ameaça do nosso tempo”

Em visita a Londres, o secretário de Estado norte-americano criticou a Huawei, que fornece tecnologia ao Reino Unido, e disse que a empresa chinesa, líder do mercado de celulares, é uma “extensão” do Partido Comunista

Mike Pompeo (Foto: Gag Skidmore)

A passagem de Mike Pompeo pelo Reino Unido, nesta quinta-feira (30), prometia ter como tema principal a iminente oficialização do Brexit, a saída dos britânicos da União Europeia, mas acabou dando espaço aos ataques verbais do chefe da diplomacia estadunidense contra a China, e o Partido Comunista, que governa o país asiático.

Pouco depois de chegar a Londres, Pompeo deu declarações criticando o fato do país anfitrião ter boa parte de sua tecnologia de banda larga fornecida pela empresa chinesa Huawei, e acusou a líder do mercado de celulares de ser “uma extensão do Partido Comunista”.

Em seguida, Pompeo foi além em suas críticas ao governo chinês, e disse que o Partido Comunista da China “é a principal ameaça do nosso tempo”.

Segundo Pompeo, o estilo de governo da China “não é compatível com os valores americanos e que os aliados ocidentais devem garantir, para que o próximo século seja baseado nos princípios democráticos ocidentais”.

As declarações foram feitas durante uma coletiva de imprensa conjunta com o chanceler britânico, Dominic Raab.

“(A Huawei) não se trata de uma empresa; trata-se de um modelo do Partido Comunista Chinês, que estabelece requisitos para essas empresas, dizendo o que devem fazer, e não são apenas requisitos legais, são investimentos financeiros importantes”, disse Pompeo, ao aprofundar suas críticas à empresa tecnológica chinesa.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum