Entrevista exclusiva com Lula
14 de fevereiro de 2017, 10h06

Monica Bergamo diz que Lula foi contra demissão de médica

De acordo com a coluna de Mônica Bérgamo, Lula não foi a favor da demissão da médica Gabriela Munhoz, acusada de vazar tomografia de Dona Marisa. O pai da médica, que se disse “preocupado com a família de Lula”, esqueceu de apagar da sua conta no Facebook post onde chama Lewandowski, de “crápula de toga” por ter absolvido Genoíno.

De acordo com a coluna de Mônica Bérgamo, Lula não foi a favor da demissão da médica Gabriela Munhoz, acusada de vazar tomografia de Dona Marisa. O pai da médica, que se disse “preocupado com a família de Lula”, esqueceu de apagar da sua conta no Facebook post onde chama Lewandowski, de “crápula de toga” por ter absolvido Genoíno.

Da Redação com Informações da Coluna de Mônica Bérgamo

De acordo com a coluna de Mônica Bérgamo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva “não foi a favor da demissão da médica Gabriela Munhoz, acusada de vazar uma leitura do diagnóstico de Marisa Letícia”. A colunista diz ainda: “de acordo com interlocutores do presidente, ele defendeu que ela passasse por um curso de ética profissional, permanecendo no emprego”.

Na semana passada, o médico Mário Munhoz, pai de Gabriela, deu longa entrevista onde defende a filha, negando que ela tivesse divulgado os exames de Dona Marisa Letícia. Entre outras coisas, Munhoz afirma: “Uma das coisas que mais está preocupando ela é a família Lula achar que ela desejou mal. Isso está transtornando ela demais (…). Queremos conversar com a família do Lula e dizer que ela jamais fez algum tipo de ofensa para a dona Marisa, sempre torceu para ela melhorar. A gente não tinha nada contra eles, de maneira nenhuma”.

O Dr. Munhoz, devidamente orientado por seus advogados e com a sua conta do Facebook cheia de posts sobre o amor por animais, se esqueceu, no entanto, de apagar um onde chama o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, de “crápula de toga”, por ter absolvido José Genoíno no processo que ficou conhecido como “mensalão”.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

Postagem de Mario Munhoz Moya, pai de Gabriela Munhoz

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum