Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
07 de janeiro de 2020, 06h46

Novo líder do Exército do Irã promete “incendiar” lugares apoiados pelos EUA

Hossein Salami, que substituiu Qassem Soleimani, anunciou a retaliação iraniana durante funeral nas ruas de Teerã, provocando gritos de "morte a Israel". No início de fevereiro, o Brasil vai sediar encontro de aliados militares dos EUA

Hossein Salami, novo líder da Guarda Revolucionária do Irã (Reprodução/Twitter)

Hossein Salami, novo líder da Guarda Revolucionária do Irã, prometeu nesta terça-feira (7) durante o funeral do general Qassem Soleimani “incendiar” lugares apoiados pelos Estados Unidos como forma de retaliação.

“Vamos nos vingar. Iremos incendiar onde eles quiserem”, afirmou Salami.

A declaração, feita diante de milhares de pessoas que ocuparam as ruas de Teerã, provocou gritos de “morte a Israel”, principal aliado dos Estados Unidos no Oriente Médio.

O Brasil vai sediar nos dias 5 e 6 de fevereiro um encontro entre aliados militares dos EUA, que será usado por Donald Trump para pressionar a comunidade internacional a apoiar a ofensiva contra o Irã.

Aliados dos EUA no Oriente Médio, Israel, Afeganistão, Bahrein, Jordânia, Emirados Árabes e Arábia Saudita devem marcar presença no encontro.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags