Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
28 de junho de 2007, 11h45

Ocupação da reitoria da USP pode se encerrar nesta sexta

Na quinta-feira, 21, os estudantes que ocupam a reitoria há 50 dias decidiram desocupar o prédio caso os funcionários da USP apóiem a decisão.

Na quinta-feira, 21, os estudantes que ocupam a reitoria há 50 dias decidiram desocupar o prédio caso os funcionários da USP apóiem a decisão.

Foi apresentado um termo de compromisso entre reitoria e movimento estudantil, que contempla algumas das reivindicações dos estudantes.

A decisão foi tomada em assembléia geral, no início da noite. Os estudantes aprovaram a liberação do prédio da reitoria condicionada à posição dos funcionários da Universidade de São Paulo (USP), em greve. O Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp) discute o apoio em reunião marcada para esta sexta-feira, 22, às 11h, em frente à reitoria ocupada.

Cinco professores da instituição, entre eles o sociólogo Francisco de Oliveira, mediaram as reivindicações junto da reitora Suely Vilela, já que ela não compareceu à reunião pedida pelos estudantes para terça-feira, 20. Ela declarou que só negociaria após a desocupação.

O documento chamado de “Termo de Compromisso entre Reitoria e o Movimento Estudantil da USP” foi analisado e aprovado pelos estudantes durante a assembléia.

No documento está previsto a não punição de alunos, professores e funcionários grevistas, desde que o patrimônio público seja preservado. A construção de novos alojamentos na cidade universitária e a circulação de ônibus nos finais de semana.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags