Fórumcast, o podcast da Fórum
08 de abril de 2013, 18h19

Para advogada de defesa, ordem de invadir Carandiru foi “governamental”

Defensora dos 26 réus que vão a júri popular diz que ex-governador Fleury precisa “explicar como foi determinada a ordem”

Defensora dos 26 réus que vão a júri popular diz que ex-governador Fleury precisa “explicar como foi determinada a ordem”

Por Igor Carvalho

Releia: 

Carandiru, a tragédia 20 anos depois

Um sistema que não funciona

Advogada Ieda Ribeiro de Souza espera que ex-governador Fleury explique quem ordenou a invasão do Carandiru (Foto: Marcelo Camargo/ABr)

Logo após ter sido divulgada a decisão do juiz José Augusto Nardy Marzagão de  adiar o julgamento dos primeiros 26 policiais acusados de participarem do Massacre do Carandiru, a advogada Ieda Ribeiro de Souza, que defende todos os réus, afirmou que a ordem de invadir o complexo penitenciário veio de “um órgão estatal e governamental.” O governador à época, Luiz Antonio Fleury Filho, é uma das 10 testemunhas da defesa, porém, não compareceu ao Fórum Criminal da Barra Funda nessa segunda-feira (8).

Para Ieda, a presença do político é fundamental. “Espero que ele venha. O depoimento do doutor Fleury é essencial porque ele vai poder explicar como foi determinada a ordem e o que determinou o ingresso desses homens no Carandiru.”

Julgamento adiado

Eram 14h25 quando o juiz José Augusto Nardy Marzagão leu a decisão que informava o adiamento do julgamento para o próximo dia 15, às 9h. O fato não deve afetar a estratégia da defesa e da promotoria.

“Estamos preparados para esse julgamento, e agora teremos uma semana a mais para focar nele e aguardar – a previsão inicial era que ele durasse duas semanas, adiado, não sofrerá maior prejuízo”, afirmou o promotor Fernando Pereira da Silva.

A advogada de defesa seguiu a mesma linha de análise. “Foi um imprevisto, não temos como controlar um problema de saúde de uma jurada. Isso não prejudica a nossa estratégia, vamos continuar com o julgamento na semana que vem.”

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum