Participação de Mandetta na live de Jorge e Mateus tirou Bolsonaro do sério

Segundo colunistas do jornal O Globo e da revista Veja, entrada do ministro em transmissão com alta audiência nas redes sociais irritou presidente

A atitude que teria elevado a irritação do presidente Jair Bolsonaro com o ministro da Saúde, Henrique Madetta, a um novo patamar teria sido a aparição do ministro na live da dupla sertaneja Jorge e Mateus. A informação foi apurada pela coluna Radar, da revista Veja, e pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

Na noite do último sábado (4), Mandetta participou da live, em uma gravação de apenas 50 segundos. O ministro pediu que as pessoas evitem aglomerações “para proteger um ao outro” e “para no momento certo a gente poder se abraçar”.

A live da dupla sertaneja teve uma audiência recorde de mais de 3 milhões de vizualizações e mais de 36 milhões de acessos. Conforme a apuração das colunas, assessores do presidente relataram que “a participação de Mandetta tirou Bolsonaro do sério”.

No domingo (5), Bolsonaro declarou que “algumas pessoas” do seu governo “de repente viraram estrelas e falam pelos cotovelos”. “A minha caneta functiona”, ameaçou o presidente.

Nesta manhã desta terça (6), a informação de que Bolsonaro demitiria Mandetta chegou a ser confirmada por assessores. Mais tarde, o presidente recuou, depois de pressão do Congresso e da ala militar do governo.

Avatar de Ricardo Ribeiro

Ricardo Ribeiro

Correspondente da Fórum na Europa. Jornalista e pesquisador, é mestre em Jornalismo e Comunicação pela Universidade de Coimbra e doutorando em Política na Universidade de Edinburgh. Trabalhou na Folha de S.Paulo, Agora e UOL, entre 2008 e 2017, como repórter e editor.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR