Salles ataca Ramos e ganha apoio de ministros incomodados com “bolha militar”, diz jornalista

Ministro do Meio Ambiente chamou colega de “maria fofoca” após nota de Bela Megale, de O Globo, e bolsonaristas o apoiaram nas redes

Depois de atacar o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, chamando-o de “maria fofoca” nas redes sociais, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, ganhou apoio de bolsonaristas nas redes sociais, incluindo do filho 03 do presidente, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Mas não foram só eles. Segundo a jornalista Bela Megale, de O Globo, ministros civis de outras pastas também o apoiaram, pois estariam, nas palavras da jornalista, incomodados com a “bolha militar”.

A origem do conflito foi uma nota que a própria Bela Megale havia publicado em sua coluna. Nela, a jornalista escreveu que Salles estava “esticando a corda” com a ala militar do governo ao suspender o combate às queimadas.

Salles republicou a nota no Twitter e escreveu, marcando o perfil do colega: “@MinLuizRamos, não estiquei a corda com ninguém. Tenho enorme respeito e apreço pela instituição militar. Atuo da forma que entendo correto. Chega dessa postura de #mariafofoca”. Para Salles, Ramos foi a fonte da nota da jornalista.

Eduardo Bolsonaro republicou a nota original em seu Twitter e escreveu: “Força, Ministro. O Brasil está contigo e apoiando seu trabalho”.

As deputadas bolsonaristas Bia Kicis e Carla Zambelli também se manifestaram a favor de Salles.    

“Conheço o ministro Ricardo Salles e atesto sua integridade e lealdade ao presidente Jair Bolsonaro. Fofocas contra sua pessoa cairão no vazio”, escreveu a primeira. “Estou com você, ministro Ricardo Salles, um saco essa coisa de Maria Fifi!”, tuitou a segunda, marcando os perfis de Salles e Ramos.

Avatar de Fabíola Salani

Fabíola Salani

Graduada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou por mais de 20 anos na Folha de S. Paulo e no Metro Jornal, cobrindo cidades, economia, mobilidade, meio ambiente e política.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR