Fórumcast #19
22 de agosto de 2012, 22h04

Série de reportagens mostra a Venezuela da “Era Chávez”

Matérias produzidas “in loco”, às vésperas das eleições presidenciais, revelam os avanços e desafios do "socialismo do século XXI"

Matérias produzidas “in loco”, às vésperas das eleições presidenciais, revelam os avanços e desafios do “socialismo do século XXI”

Por Redação

Projeto de Chávez será colocado à prova contra Capriles (Foto: Ópera Mundi)

Para compreender melhor o que representa para a Venezuela, o governo de Hugo Chávez e sua política bolivariana, o site Ópera Mundi inaugura uma série de reportagens, com enviados especiais, sobre diversos aspectos da “Era Chávez”. Os textos serão divulgados de 21 a 25 de agosto e reproduzidos no site da Fórum.

A Venezuela ainda desperta desconfiança em diversos setores da sociedadede e da mídia, no entanto, o país teve avanços importantes nos últimos anos. De acordo com a Unesco, a Venezuela zerou o índice de analfabetismo, tem a melhor distribuição de renda na América do Sul, conforme o índice Gini. O país também apresenta o maior crescimento do Índice de Desenvolvimento Humano, no continente, segundo a ONU.

Com a proximidade das eleições presidenciáveis no país, Hugo Chávez volta a ser questionado por sua política bolivariana. O governante que nacionalizou o petróleo e resgatou as riquezas produzidas pelo país, que enviava, entre 1984 e 1998, U$$ 30 bilhões ao exterior, quer se colocar à prova, novamente. Em 7 de outubro de 2012, Henrique Capriles irá tentar derrotar Chávez e seu projeto nas urnas.

Veja também:  Viraliza livro que conta motivos para apoiar Bolsonaro, com 188 páginas em branco

Confira as três primeiras da série de 14 reportagens:

Era Chávez colocou Venezuela no mapa do mundo

Na Venezuela, missões reorganizam serviços públicos e enfrentam pobreza

Insegurança é preocupação central para a maioria dos venezuelanos


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum