O que o brasileiro pensa?
29 de junho de 2020, 19h12

Vacina contra coronavírus desenvolvida no Rio pode ser distribuída em dezembro, diz Fiocruz

Proteção contra covid-19 é fruto de parceria com a Universidade de Oxford e data depende de um andamento do projeto dentro do previsto

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) deve começar a distribuir a vacina para o coronavírus em dezembro deste ano, se tudo correr dentro do previsto pela entidade. A vacina é desenvolvida no laboratório de Manguinhos, na Zona Norte do Rio, em parceria com a Universidade de Oxford.

A substância é uma das promissoras entre as mais de 140 que estão sendo testadas pelo mundo. O acordo com a universidade foi anunciado no último sábado (27). O acordo prevê a transferência da tecnologia da Universidade de Oxford para a Fiocruz, que vai poder produzir a vacina.

A Fiocruz vai trabalhar no processo de finalização da vacina. Ou seja, ela vai receber a tecnologia e os insumos para produção das doses. Mas, a ideia é que a instituição passe a dominar todas as cadeias de produção no Brasil.

Depois de ser testada em animais, a produção da vacina passa por três fases. Primeiro, ela começa a ser testada em um pequeno grupo até chegar a um grande número de pessoas.

Pelo acordo, serão produzidas 30 milhões de doses na Fiocruz. Elas só serão distribuídas e aplicadas se ficar comprovada a eficácia da imunização contra a covid-19.

Com informações da TV Globo

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum