O que o brasileiro pensa?
02 de julho de 2020, 17h31

Vídeo: Mulher branca aponta arma para família negra nos EUA

Caso aconteceu no estacionamento de uma lanchonete em Orion Charter Township, no estado do Michigan, após uma discussão

Uma mulher branca manteve uma mulher negra e sua filha de 15 anos sob a mira de uma arma durante uma discussão no estacionamento de uma lanchonete na cidade de Orion Charter Township, no estado de Michigan, nos Estados Unidos. O caso aconteceu na última quarta-feira (1º).

A discussão começou quando a mulher branca esbarrou na filha de Takelia Hill na entrada do estabelecimento. A discussão prosseguiu para o estacionamento do local, onde Hill pediu que a mulher se desculpasse.

A mulher se negou a pedir desculpas e disse que Hill estava a impedindo de entrar em seu carro. Nesse momento, o motorista do carro deixou o veículo para abrir a porta e deixar a mulher entrar, enquanto Hill e sua filha a acusavam de ser “ignorante” e “racista”.

Após entrar no carro a discussão continuou e a mulher falou para Hill: “Você não pode simplesmente andar por aí chamando os brancos de racistas. Este não é esse tipo de mundo. Os brancos não são racistas, ninguém é racista.”

O casal tentou sair com o carro do estacionamento, mas Hill, que estava atrás do veículo, bateu com as mãos no vidro do carro. 

Nesse momento o casal sai do veículo e a mulher aponta uma arma para ela. No vídeo é possível ouvir ela dizendo para ela se afastar e não ir atrás do carro, enquanto Hill fala para alguém chamar a polícia e pegar a placa do carro. A discussão continua e a mulher segue com a arma apontada para ela por cerca de 40 segundos antes de entrar no carro e vai embora.

“Então, essa é a América … Nunca na minha vida uma arma foi apontada para mim e enquanto eu estava com minhas três filhas, nunca me senti tão impotente na vida”, disse Hill, nas redes sociais, acrescentando estar “muito abalada”.

O caso aconteceu apenas 3 dias depois de um casal apontar armas para manifestantes que passavam em frente à casa deles em St. Louis, no Missouri.

Com agências internacionais


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags