Vídeo: PM de Salvador agride motociclista durante abordagem

Imagens mostram policial jogando capacete para frente e, depois, golpeando rapaz

Um vídeo que circula em redes sociais mostra um policial militar da Bahia agredindo um motociclista com tapas e socos. A ação ocorreu durante uma abordagem à vítima dos golpes e outro rapaz. A cena foi flagrada na orla de Salvador, capital baiana, e teria acontecido na noite do último domingo (15), em Itapuã.

A gravação mostra três policiais durante a abordagem a dois rapazes. Um deles entrega os documentos à PM e o outro está ainda de capacete sobre a moto, estacionada. Um dos agentes de segurança bate no capacete, e o rapaz o tira. O policial pega o equipamento de segurança e o joga. Na sequência, ele vai falar com o motociclista, que parece tirar documentos para mostrar. Está um de cada lado da moto, e ela cai.

O rapaz que estava com o capacete, então, parece falar algo ao policial, que começa a agredi-lo fisicamente. Ele dá golpes no peito, na cabeça e nas costas do motociclista e ainda o segura pela parte de trás do pescoço. Toda a cena é assistida pelos dois policiais que também integravam a equipe e outro homem abordado. Nenhum dos dois rapazes mostra algum tipo de reação violenta à abordagem da PM.

O autor das imagens, então, filma a viatura policial, para identificar de qual companhia eram os três policiais militares. O número dá a entender que é da 15ª Companhia Policial.

 Veja as imagens:

O vídeo está circulando por redes sociais. O perfil Mansão Black, do Instagram, foi um dos que o publicaram. A postagem traz a seguinte mensagem: Rever a polícia militar brasileira é urgente. Acabo de receber esse vídeo de uma seguidora de salvador que denuncia o abuso de poder da Polícia Militar de Salvador.

https://www.instagram.com/p/CHrE9DWDOnu/

A Fórum entrou em contato com a Secretaria da Segurança Pública da Bahia para saber se alguma providência será tomada e aguarda o posicionamento. Ele não foi até a publicação desta reportagem.

Avatar de Fabíola Salani

Fabíola Salani

Graduada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou por mais de 20 anos na Folha de S. Paulo e no Metro Jornal, cobrindo cidades, economia, mobilidade, meio ambiente e política.